quarta-feira, 13 de junho de 2012

Pequenas bibliotecas fora dos grandes centros: você pode montar uma.

Comunidades rurais e regiões afastadas dos grandes centros urbanos podem agora montar suas próprias bibliotecas com a ajuda da Freguesia do Livro.

Você mora em uma pequena comunidade rural? Ou  tem uma chácara no meio do verde?  Sua casa está afastada dos grandes centros urbanos? A sua comunidade tem uma biblioteca ou acesso a livros? A região onde você mora possui uma biblioteca com fácil acesso aos livros num raio de 3 km ? Se você respondeu sim para a primeira pergunta e não ou “mais ou menos” para as demais, essa notícia vai lhe interessar.

Caminho do Vinho, área rural de São José dos Pinhais/PR, local simpático para um ponto de leitura.

Nós estamos procurando pessoas interessadas em abrir pequenas bibliotecas em localidades rurais, regiões metropolitanas e locais afastados dos grandes centros urbanos. Observe se na sua região ou comunidade existe a presença de livros com acesso facilitado aos moradores. Perceba se existem livros à disposição das crianças, dos adolescentes, dos jovens, do pessoal da terceira idade. Se perceber que essa necessidade existe, com a ajuda da Freguesia do Livro você poderá colocar livros nas mãos de muitas pessoas, potenciais leitores.

O que é a Freguesia do Livro?

A Freguesia do Livro é um projeto voluntário de pessoas que amam a leitura e se organizaram para montar pequenas bibliotecas em lugares improváveis, para facilitar o acesso aos livros. A proposta é arrecadar livros de pessoas que tenham exemplares esquecidos nas estantes, entrar em contato com pessoas que tenham a vontade de iniciar bibliotecas de empréstimo livre em suas comunidades e as ajudar a começar do zero, fazendo esse intercâmbio entre aqueles que querem doar e os que querem iniciar suas bibliotecas. A Freguesia também ajuda bibliotecas que já estão montadas, trilhando sua trajetória, aprimorando seus acervos com a doação de mais livros.

Quero montar uma biblioteca, como faço?

Caixa da Freguesia do Livro, entre 40 e 60 livros para iniciar uma biblioteca gratuitamente

A primeira coisa a se fazer é arranjar um local para a montagem da biblioteca, um espaço para colocar uma caixa de feira reciclada da Freguesia com uma quantia inicial entre 40 e 60 livros que combinam com o perfil da comunidade para onde vão. Se for do interesse da pessoa que montar a pequena biblioteca, incluímos na caixa revistas, jornais literários, enciclopédias, folhetos educativos e todo material necessário à educação, informações sobre os mais diversos assuntos e boas leituras.

Onde posso colocar a minha biblioteca?

O local que receberá a caixa pode ser um centro comunitário, a associação de moradores, uma mercearia, um armazém, uma padaria, uma barbearia ou salãozinho de beleza, o ateliê de uma costureira, uma pequena loja de 1,99, etc. O local precisa ser frequentado ou visitado pelos moradores da região, onde as pessoas venham periodicamente, ou que receba uma concentração de moradores e visitantes, como o quiosque de uma quadra de futebol, uma lanchonete, a área de lazer de uma chácara ou sítio aberta ao público, a recepção de uma pousada ou de um camping, a área comum de hotéis ou de um pesque-pague, o salão de uma igreja, uma horta comunitária, uma vinícola e assim por diante. É importante que exista a circulação de pessoas. Veja aqui, aqui e aqui, alguns exemplos de bibliotecas nesses moldes que já existem.



Dá muito trabalho?

O bonito dessa proposta é que os livros devem circular, sem cobranças, multas e prazos. Só na confiança. Biblioteca livre é aquela que pede que o leitor leia e depois devolva ou passe adiante. Ou seja, não dá trabalho ao responsável pela pequena biblioteca. E produz uma grande satisfação por estar incentivando a leitura. Nesse post, algumas dicas.



Mas, eu já tenho uma biblioteca...

Biblioteca Amigo Livro no Balneário Nereidas em Guaratuba, litoral do PR,
idealizada por Silvia Buchalla, já recebeu livros da Freguesia

Pode até ser um local onde já exista uma biblioteca com poucos recursos e poucos livros no acervo. A Freguesia do Livro ajudará a incrementá-lo, enviando livros infantis, livros para adolescentes, livros de autoajuda, enciclopédias, gibis, enfim, os livros necessários para o perfil do público que já frequenta o local.

E quanto custa?

O mais importante é que a pessoa que solicitar a caixa da Freguesia do Livro não pagará nada por ela. A Freguesia do Livro é um projeto voluntário, e não cobra para montar essas pequenas bibliotecas. Queremos apenas o compromisso da pessoa em manter a biblioteca ativa e os livros circulando.

Você se animou com a ideia de montar uma biblioteca em sua comunidade ou ampliar uma que já existe?

Entre em contato através do e-mail fregues@freguesiadolivro.com.br e faça também o seu cadastro no blog da Freguesia do Livro.


Fotos: Juliano Rocha / Josiane Bibas

0 comentários:

Postar um comentário