quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Livros nas mãos dos leitores

Mais livros para os leitores da Estrada do Anhaia. Obrigada à todos que se preocupam em doar, os leitores agradecem. Essa foi a entrega de livros do dia 03/12/2011.


Livros!

As maiores doações de livros que recebemos em 2011 vieram de pessoas que são simpáticas à nossa iniciativa: levar livros aos moradores da Estrada do Anhaia que até junho de 2011 não tinham acesso facilitado a eles, visto que a Estrada do Anhaia encontra-se numa região rural, onde as pessoas moram em sítios, e seu ponto mais distante encontra-se há 15 km do centro de Morretes. Recebemos muitos livros novos, livros bem antigos, livros que vieram apenas com as marcas de uso, ou dos anos, alguns velhinhos, a maioria em excelente estado, que serão lidos por muitas gerações. Também recebemos muitos livros que precisaram de um carinho e certo restauro antes da história ser novamente lida, páginas foram coladas, riscos foram apagados, e então eles prosseguiram seu caminho.

Muitas doações vieram de pessoas que estão passando por reformas em suas casas, de locais que estão renovando seus acervos, que precisam de espaço e no momento estão abrindo mão de livros que não irão reler. Doaram livros que já cumpriram sua função de pesquisa, transmissão de conhecimento, diversão, enfim, o livro está livre para ser entregue a um novo leitor. Recebemos de um doador em especial livros maravilhosos, parte de uma coleção antiga, reunida há muitos anos, e que não nos deu trabalho nenhum, apenas retiramos o pó dos livros, carimbamos todos eles com as instruções de uma biblioteca livre, e levamos para o Sítio Vanessa.


Edemilson, dono do Sítio Vanessa, feliz da vida

A nossa ideia é fazer com que as pessoas se desfaçam das amarras do apego, do acúmulo e consigam largar esse pensamento de livros guardados em estantes, dentro de caixas, parados em bibliotecas, empilhados. Acervo é aquilo que levamos conosco após a leitura de um livro, o seu conteúdo. O resto é papel. E esse livro que me encantou pode ser a porta de entrada para que outra pessoa possa encontrar uma boa história, um consolo para uma dor, uma profissão, uma ajuda, o desenvolvimento de uma habilidade. Os livros precisam estar nas mãos dos leitores, em movimento, sendo lidos por essa pessoa agora, e por outra logo após. Não importa se eles irão voltar. Precisamos confiar nas pessoas, nos leitores, mostrar a elas que um livro depois de lido, pode ser repassado a um amigo, a um parente, a um colega de trabalho, a um vizinho, um funcionário, alguém que se interesse por ele, ou que possa se interessar, assim que conhecê-lo. Livro atrai livro, estamos comprovando isso na prática. Alguns daqueles livros que sempre desejamos ler estão aparecendo no nosso caminho, e estamos repassando eles em seguida, após a leitura. É um círculo vicioso e maravilhoso de leitura que estamos vivendo. Os pedidos que os leitores da Biblioteca Comunitária Sítio Vanessa nos fazem, têm sido atendidos maravilhosamente bem, através das pessoas que se desapegam de seus livros e abrem suas estantes e prateleiras para novos leitores!


Dona Benedita, Matilde e Dani, com as revistas de bordados e barbantes que foram motivo de muitas ideias e projetos de artesanato.


Nós levamos livros à um local que era carente de qualquer iniciativa cultural, numa estrada rural, e hoje temos vários leitores! Os livros necessários simplesmente aparecem com as doações! E assim o ciclo de leitura e conhecimento vai se renovando.


*

Para maiores informações, visite nosso Facebook ou nos escreva um email: bibliotecadositio@gmail.com

Veja a nossa história em fotos:Flickr

0 comentários:

Postar um comentário